Artigos Terrier Brasileiro Canil Pedra de Guaratiba
FILHOTES - GALERIA - HISTÓRIA DA RAÇA - NOSSA HISTÓRIA - HOME - MAPA CANIL - PADRÃO FCI - PLANTEL

Blog Twitter Facebook

Artigos Terrier Brasileiro
Canil Pedra de Guaratiba

Essa página tem o objetivo de fornecer informações aos visitantes peculiaridades sobre a raça Terrier Brasileiro, as quais são bastante relevantes para todos aqueles que desejam ficar mais familiarizados com a raça.

CONTATOS: canilpguaratiba@gmail.com ou (21) 3155-8375.

Qual nome é o correto? Fox Paulistinha ou Terrier Brasileiro?
Reconhecimento da Raça!

Desde o reconhecimento internacional da raça de forma provisória junto à FCI (1995) o Fox Paulistinha passou a ser chamado oficialmente de Terrier Brasileiro.
Como São Paulo foi o estado que inicialmente mais aglutinava criadores da raça que lutavam pelo reconhecimento da mesma, e seus estudos indicavam até aquele momento tal região como a que mais se encontravam exemplares, o nome inicialmente escolhido para representar a raça foi Fox Paulistinha, tanto que, no ano de 1964 quando foi elaborado o primeiro padrão oficial o nome escolhido não poderia ser outro.
Em 1973 a CBKC (Confederação Brasileira de Cinofilia) suspendeu a emissão de pedigrees em função da insuficiente quantidade de exemplares para manter a raça.
Mas, com o passar dos anos a raça conseguiu propagação a nível nacional, ocorrendo dessa forma um aumento significativo no trabalho de criação, podendo-se observar a existência da raça não só em São Paulo, mas em todo território nacional, passando então a ser chamado de terrier do Brasil, ou seja, Terrier Brasileiro.
A partir desse ponto inicia-se um longo processo de trabalho com o objetivo de se obter o reconhecimento internacional da raça. Sendo assim, em 1995 à FCI (Federação Cinológica Internacional), sediada na Bégica, reconhece a raça de forma provisória. Vindo então o registro em definitivo no ano de e em 2006.

Isabela é Nome Próprio ou Cor?
Cor Isabela!

A história conta em poucas palavras que a filha de Filipe II, de nome Isabel Clara Eugenia de Áustria (1556-1633), que acompanhou o marido, no cerco a Ostende (maior cidade da costa belga banhada pelo Mar do Norte), prometeu que só tiraria a camisa (interior), quando obtivessem êxito na empreitada direcionada à cidade em questão.
Como o cerco obteve uma resistência de quase três anos, a camisa quando foi retirada estava bastante acastanhada, pelo tempo e sujidade...
E, é justamente da associação do nome dessa princesa com a cor de sua camiseta suja que surgiu o nome dessa cor, isabela (isabel), a qual é aplicada em um primeiro momento em relação aos equinos e aos muares dando origem à expressão “cor de burro quando foge”, cor indefinida, muito difícil de ser distinguida, coloração pardacenta característica da pelagem dos burros.
Isabela é uma variante do nome Isabel, que tem origem no nome hebraico Izebel, que significa “casta, pura”.
Isabela ou Isabella? A forma com duas letras “l” é utilizada por falantes das línguas inglesa, alemã, italiana, norueguesa, sueca, holandesa e romena.
Atualmente a cor isabela é também aplicada há algumas variedades de cores de raças caninas como o Doberman (Doberman Isabela), Sharpei, Greyhounds, Dachshund, etc. É a cor do Waimaraner! Cor de areia, diluição do marrom (fígado).

Gene de Diluição.
O gene da diluição ocorre no locus D. É recessivo (d é diluído, e D é não diluído) de modo que um cão para ser diluído deve ter o genótipo dd. Um cão que é Dd ou DD terá pigmento normal (não diluído).
Locus: é o lugar específico em que um gene se localiza no cromossomo.
Portanto, do ponto de vista genético um cão de pelagem isabela pode ser considerado como um marrom (fígado) diluído.
O Terrier Brasileiro (Fox Paulistinha) deve sempre possuir três cores:
Ele deve dar a impressão de que originalmente seria um cão branco, com marcações "tan" (castanho) nas laterais do focinho e sobre os olhos, em quem se jogou tinta.
Se a tinta for preta teremos o tricolor de preto, se a tinta for marrom teremos o tricolor de marrom, se a tinta for de um cinza azulado teremos o tricolor de azul e se a tinta for isabela teremos o Tricolor de Isabela.

Para consultar outros artigos visite nosso Blog!
Canil Pedra de Guaratiba Artigos!
[Clique Aqui Para Visitar!]


Desde 1990! Ligue e confira:(21)3155-8375. Pedra de Guaratiba - Rio de Janeiro - RJ - Brasil.

CONTATO: canil@canilpguaratiba.com